Transação Tributária facilita regularização Fiscal
18 de janeiro de 2023
Governo lança programa “Litígio Zero”
27 de janeiro de 2023
Exibir tudo

PGFN abre transação para débitos do Simples Nacional

Tempo de leitura: 03 minutos

Prazo de adesão à negociação vai até 31 de janeiro somente

Empresas enquadradas no Simples Nacional com débitos inscritos na dívida ativa da União (DAU) têm oportunidade de regularizar suas pendências com o fisco. A Procuradoria-Geral da Fazenda Nacional, por meio do Edital nº 1/23, abriu duas modalidades de transação tributária para essas empresas.

Uma delas é a Transação de pequeno valor, destinada a microempreendedores individuais (MEIs), micro e pequenas empresas (MPEs) do Simples com débitos de até 60 salários mínimos (R$ 78.120) inscritos há mais de um ano na DAU. A proposta prevê entrada equivalente a 5% do total devido, parcelada em até cinco prestações mensais. O restante pode ser dividido em sete, 12, 30 ou 55 meses, com descontos de, respectivamente, 50%, 45%, 40% ou 35% do valor total.

Nessa modalidade, as parcelas serão de, no mínimo R$ 50, corrigidas pela Selic e acrescidas de 1% ao mês.

Outra opção é a Transação por adesão, aplicável a débitos de até R$ 50 milhões, inscritos em dívida ativa até 31 de dezembro passado. O acordo prevê entrada de 6% do montante devido, que pode ser parcelada em 12 meses. As condições para pagamento do saldo restante dependem da capacidade de pagamento do MEI ou da MPE. Se a análise das informações prestadas pelo contribuinte concluir que ele tem como arcar com o pagamento, o valor será dividido em 48 parcelas mensais, sem qualquer desconto. Nos demais casos, o débito remanescente poderá ser parcelado em até 133 meses, com descontos de até 100% dos juros, multas e encargos legais.

A adesão a qualquer um dos tipos de transação deve ser feita pelo portal Regularize até 31 de janeiro.

Contas em Revista


.









Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Olá, posso ajudar?