Conmax Contabilidade – 35 Anos de Sucesso
18 de outubro de 2021
[Cliente Conmax] Startup que faz PMEs ganharem o Google recebe aporte e vai faturar R$ 4 mi
25 de outubro de 2021
Exibir tudo

Maturidade Digital eleva potencial competitivo das empresas

Tempo de leitura: 04 minutos

A nova economia é baseada na conectividade e no uso da tecnologia para transformar organizações de todos os portes. A questão é: sua empresa está pronta para competir nesse novo ambiente?


Ferramentas digitais simples e baratas, quando associadas às estratégias de negócios, podem levar empresas a um novo patamar em seus mercados de atuação. Foi o que aconteceu com uma loja de lingerie, localizada em Vitória da Conquista (BA), que participou do programa Digital.br, promovido pela Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI). O órgão está investindo R$ 14 milhões em projetos no nordeste para ajudar Micro e Pequenas
Empresas (MPEs) da região no processo de transformação digital.


Antes da pandemia, a loja não vendia online, conta a gerente da Unidade de Transformação Digital da ABDI, Adryelle Pedrosa. Com as restrições de abertura no comércio, a empresa não conseguia mais vender. A primeira tentativa de reverter a situação foi utilizar marketplaces como plataforma de venda, escolha que se mostrou inviável pelos custos envolvidos.
O programa orientou a empresa no processo de adoção de ferramentas digitais para resolver o problema. Foi aí que as empreendedoras passaram a realizar lives pelo Instagram, exibindo as lingeries da marca em desfiles ao vivo e possibilitando que as vendas fossem concretizadas na própria rede social. “Isso aumentou o faturamento da empresa em mais de 200%, acima do que vendiam antes da pandemia”, afirma Pedrosa.
Esse exemplo traduz dois conceitos muito relevantes para as empresas no cenário atual: maturidade digital e transformação digital. “Na ABDI, definimos a transformação digital como um processo por meio do qual as empresas começam a utilizar tecnologias digitais para resolver problemas”, explica Pedrosa. “A tecnologia é sempre um instrumento, um meio, para atingir um propósito final”.


Quanto maior for a prontidão da empresa para aplicar a transformação digital ao seu negócio, maior será a sua maturidade digital. A professora convidada da Fundação Dom Cabral, Heloisa Menezes, esclarece que “maturidade digital é uma medida ou uma forma de avaliar a capacidade de absorver e desenvolver tecnologias digitais e de usálas para gerar valor, soluções e novos modelos de negócios”.


Critérios de avaliação

Há diferentes metodologias usadas para avaliar a maturidade digital das empresas. Menezes cita que há indicadores internacionais e nacionais. Entre os internacionais, a professora destaca o índice desenvolvido pelo instituto alemão Fraunhofer, que avalia a aplicação da transformação digital em sete dimensões: estratégia corporativa; liderança e cultura corporativa; organização e processos; colaboradores e competências; tecnologia;
produtos e serviços; redes e cadeias de suprimentos. É possível fazer a avaliação gratuita em português acessando https://websites.fraunhofer.de/DTA.


Entre os indicadores nacionais, Menezes comenta sobre o Índice Cesar de Transformação Digital (ICTd), que já possui uma série histórica revelando como o Brasil avançou em relação ao tema. “Na pesquisa feita em 2019, o nível de maturidade digital das empresas brasileiras era de 55,55%. Já na pesquisa de 2020, evoluiu para 60,02%”. Para fazer a avaliação do ICTd, acesse https://transformacao.cesar.org.br/.


A ABDI, em conjunto com a Fundação Getúlio Vargas (FGV), desenvolveu o Mapa de Digitalização das MPEs Brasileiras, que está em sua primeira edição. A metodologia classifica o desempenho das empresas em quatro níveis: analógico, emergente, intermediário e líder digital, com pontuações que vão de zero a 100. De acordo com o estudo, a maior parte das MPEs está no nível emergente. Segundo Pedrosa, são organizações que, “em alguma medida, já se movimentaram, mas ainda não estão aproveitando todo o potencial estratégico da transformação digital”. O estudo revela que cerca de 60% das empresas participantes não utilizam redes sociais e 50% não realizam vendas online, nem mesmo em marketplaces.


A ABDI oferece a avaliação da maturidade digital das MPEs por meio de outro programa chamado Jornada Digital, que atende, gratuitamente, empresas de todo o Brasil. Para participar, entre em contato pelo e-mail [email protected].
Todas essas iniciativas comprovam que há recursos e informações disponíveis para auxiliar pequenos negócios a se tornarem mais competitivos por meio da transformação digital. “Para as empresas que começaram agora ou recentemente, recomendo que tenham o futuro como o agora”, ressalta Menezes

Hoje, aos 35 anos de atuação, a Conmax é referência nos processos de Abertura de Empresas e nos Processos de Auditoria e Consultoria, que integra as a atividades Contábil, Fiscal e Financeira.

A Equipe Conmax está preparada para lhe ajudar, fale conosco!

Fonte: Revista CONMAX


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Open chat
Olá, posso ajudar?